Harmonização Facial

O que é bichectomia?

O que é bichectomia

Entre as modalidades estéticas que invadiram os consultórios odontológicos, a lipectomia facial, popularmente conhecida como bichectomia, é uma das áreas mais promissoras para quem deseja se especializar nela.

Caso você não saiba o que é bichectomia, trata-se de um procedimento cirúrgico irreversível que altera o visual da maçã do rosto, por meio da remoção das bolas de Bichat.

Para fazer este tipo de cirurgia, o dentista precisa ter amplos conhecimentos de harmonização orofacial e ser capaz de avaliar as condições do paciente, justamente para recomendar ou não a realização da bichectomia.

O Centro de Desenvolvimento Odontológico (CDO) apresenta a você uma variedade de cursos de imersão e aperfeiçoamento para potenciar a sua carreira. Confira aqui as opções que estão com matrículas abertas!

Entendendo o que é bichectomia

Antes de tudo, é importante reforçar que a bichectomia é um procedimento cirúrgico e irreversível. Diferente de outros procedimentos estéticos, ela deve ser realizada após um diagnóstico completo que leve em conta todas as restrições e as contraindicações.

Para fazer este procedimento, além da formação tradicional em odontologia, você precisa fazer uma especialização em cirurgia odontológica, onde terá um conhecimento mais profundo sobre anatomia da face, traumatologia, anestesia e cuidados pós-operatórios.

Caso você opte por realizar lipectomia facial, é recomendado também que faça uma especialização em bichectomia.

Principais informações

A bichectomia também é chamada de “extração de gordura bucal” ou “redução de gordura das bochechas”. Ela é uma cirurgia plástica que, de maneira simplificada, reduz o tamanho das bochechas.

O objetivo da cirurgia de bichectomia é afinar o rosto. O efeito mais comum desse afinamento é a aparência das maçãs do rosto serem mais altas e esculpidas.

Como é feita a bichectomia?

Quando falamos sobre o que é bichectomia, é necessário dizer que trata-se de um procedimento intraoral, ou seja, com corte feito na parte interna da boca.

É necessário aplicar uma anestesia geral no paciente para a realização deste tipo de cirurgia.

Em seguida, o cirurgião-dentista vai localizar as bolas de Bichat e fazer uma incisão nelas para remover as bolsas de gordura ou parte delas.

O procedimento deve ter uma duração média de 1 hora e o local será fechado com pontos e neutralizado, com uma série de recomendações ao paciente durante o pós-operatório para cicatrização.

Em quais casos a bichectomia é indicada?

Existem casos clínicos em que a cirurgia é o melhor tratamento, principalmente quando o paciente precisa corrigir a mordedura após uma indicação ortodôntica.

A segunda situação é por questão de estética e autoestima, quando o paciente deseja harmonizar a face, afinando e delimitando o contorno do seu rosto.

Nas duas situações, o cirurgião-dentista precisa fazer uma avaliação completa do paciente, principalmente nos quesitos de contraindicações.

Pacientes com rostos finos e magros devem evitar este procedimento. Além desses casos, a bichectomia não é recomendada para:

  • Cardíacos, diabéticos, doenças autoimunes, doenças dermatológicas, etc;
  • Pessoas com doenças infecciosas ativas na pele, organismo ou mesmo na boca;
  • Pacientes que apresentam parafunção muscular ou ainda por contraindicação médica.

Claro que durante a sua especialização em bichectomia, você terá conteúdo teórico e prático para explicar melhor essas contraindicações.

Principais cuidados antes e depois da bichectomia

Ao explicar o que é bichectomia, sempre reforçamos que é importante se assegurar das razões que levaram o paciente a solicitar este tipo de cirurgia, já que ela é irreversível.

Em seguida, solicite todos os exames necessários para constatar se o paciente está apto ou não a passar pela cirurgia de bichectomia. Pode ser necessário pedir um hemograma e avaliações de glicemia e coagulograma.

O pós-operatório costuma ser sem muitas complicações, com dores e inchaços começando a reduzir após três dias, mas o paciente deve seguir uma dieta líquida para evitar força sob os músculos da face.

Geralmente, após 30 dias já é possível ver a evolução da bichectomia, com os sinais definitivos sendo visíveis em cerca de três meses.

E essas são as principais informações que você precisa saber sobre o que é bichectomia. Além de se especializar nesta área, existe a oportunidade de aprofundar o seu conhecimento sobre harmonização facial, na técnica Perfect Lips e na aplicação da toxina botulínica, especialidades com grande demanda na atualidade.

Se chegou aqui ao CDO na busca por informações para saber o que é bichectomia e tem o desejo de se especializar na área, veja nossos cursos de aperfeiçoamento odontológico e encontre o ideal para você!

O Centro de Desenvolvimento Odontológico oferece um conteúdo pragmático robusto, composto por cursos de imersão, atualização, aperfeiçoamento e especialização.

Em alta

Tipos de candidíase na boca – causas e sintomas

Entenda o que causa candidíase em seus pacientes, os fatores de risco e tratamentos disponíveis. Esta infecção fúngica pode surgir por …

Ler matéria

Curso para aplicação de botox: quem pode fazer?

A aplicação da toxina botulínica é um dos procedimentos mais buscado em clínicas odontológicas por todo o país. Saiba como atuar nessa área!

Ler matéria

Quais são os músculos da face? Anatomia facial

Em um rosto existem diversos músculos que desempenham determinadas funções, como a reprodução de movimentos. Conheça agora quais são!

Ler matéria

Sintomas de disfunção temporomandibular e dor orofacial

A disfunção temporomandibular (DTM) é uma síndrome que atinge milhares de pessoas, independente da idade, sexo e raça, sendo muito mais comuns em mulheres adultas. Ao se especializar na área, o dentista será capaz de compreender as características das articulações maxilares, os músculos responsáveis pela mandíbula e poderá identificar os sintomas de disfunção temporomandibular e […]

Ler matéria

Como identificar cárie na radiografia panorâmica?

Você sabia que a radiografia é uma das principais formas de diagnosticar cárie? Veja o que é e como ela pode auxiliar no seu consultório!

Ler matéria

O que é pulpectomia e quem deve fazer?

Este procedimento odontológico faz a remoção da polpa dentária infectada ou doente. A pulpectomia costuma ser uma das etapas do tratamento …

Ler matéria

Outras matérias

Mensagem para retorno de pacientes odontológicos

Mensagem para retorno de pacientes odontológicos

Não sabe como enviar mensagem para o retorno de pacientes odontológicos? Confira 7 dicas e aprenda a fidelizá-los no seu consultório!

Quanto ganha um dentista especializado em estética

Quanto ganha um dentista especializado em estética?

Procurando uma área lucrativa na odontologia? Descubra quanto ganha um especialista em estética e eleve sua carreira odontológica hoje!

Quais procedimentos estéticos o dentista pode fazer?

Quais procedimentos estéticos o dentista pode fazer?

Quer saber quais procedimentos estéticos o dentista pode fazer? Confira alguns, que vão desde clareamento dental até harmonização facial!

O que é infecção cruzada na odontologia?

O que é infecção cruzada na odontologia?

Um desafio para os dentistas na rotina de consultório é a infecção cruzada. Conheça os riscos e saiba como fazer a prevenção em sua clínica!